Arquivo da tag: preta pretinha

“1999″ é um dos maiores hits do multi-artista Prince, que dispensa maiores comentários. A faixa fez parte do disco de mesmo nome lançado em 1982, o quinto de sua carreira e primeiro a chegar no Top 10 da parada americana. Este disco é considerado o mais importante (e influente) da carreira de Prince, aparecendo sempre nas listas de “maiores discos de todos os tempos” da Internet e de revistas especializadas.

Também no mesmo disco, “”Little Red Corvette” se tornou outro grande sucesso nas rádios e na MTV. A letra da faixa “1999″ virou um clássico, com seu refrão que diz “vamos festejar, como se fosse 1999″ – a frase faz uma citação, é óbvio, à virada do século, como se o mundo fosse acabar quando o ano 2000 chegasse. A faixa foi regravada várias outros vezes por diversos artistas.


Com direito à coreografia a la Michael Jackson e um respeitável cabelo afro, o cantor Junior fez muito sucesso no ano de 1981 com o mega-hit “Mama Used To Say”, e foi um dos primeiros músicos ingleses de R&B daquela década a fazer sucesso fora da Inglaterra. O single liderou as principais paradas do estilo em vários países e se tornou um verdadeiro clássico da época. Apesar de hoje em dia Junior ser considerado por muitos um “one hit wonder”, ele na verdade teve vários outros sucessos nas rádios nos anos seguintes.

Em seu segundo álbum, lançado um ano mais tarde, Junior emplacou os hits “Communication Breakdown” e a balada “Baby I Want You Back” Em 1984, ele voltou às paradas com a música “Do You Want My Love” que entrou na trilha sonora do filme “Um Tira da Pesada”, estrelado por Eddie Murphy. Seu último disco, “Prisoner of Hope” foi lançado este ano.

O músico americano Al Jarreau hoje em dia está meio sumido, mas nos anos 70 e 80 só dava ele. Al foi o único músico até hoje a ganhar o prêmio Grammy em três categorias distintas: jazz, pop e R&B. Seu primeiro disco foi lançado em 1973, mas o auge só se deu mesmo na virada dos 70 para os 80. São desta época hits como “Boogie Down” e “Since I Fell For You”.

Al também ficou mundialmente conhecido por ter gravado a música de abertura do seriado “A Gata E O Rato”, um dos maiores clássicos da TV dos anos 80, e por ter participado do projeto “We Are The World”. Em 1985 , esteve no primeiro Rock in Rio e cantou para um público recorde naquela edição do evento. Seu último álbum de músicas inéditas foi lançado em 1986.

Neste sábado a Trash 80′s faz sua celebração anual do Dia Nacional da Consciência Negra com uma festa pra lá de especial, com direito a vários hits de artistas afro-descentes que marcaram os anos 80. É claro que, como já era de se esperar, o palquinho da Trash também vai ter uma performance incrível de atores e bailarinhos inspirada no tema.

E todo mundo aqui já sabe que a gente adora a Grace Jones, um dos maiores ícones da música e do cinema daquela década. Em 1981, Grace lançou um de seus maiores clássicos, a faixa “Pull Up To The Bumper”, que fez um sucesso enorme nas paradas – mesmo tendo uma letra bastante sexualmente “sugestiva”. A música foi regravada diversas vezes por vários artistas, e voltou às paradas em 1995 na voz da cantora também jamaica Patra.