Arquivo da tag: linda blair

Esse é imperdível! Que forma melhor de matar alguém de tanto susto do que essa boneca em tamanho real da personagem Regan, a pobre adolescente possuída pelo demônio do clássico filme “O Exorcista”? E ela ainda gira a cabeça! Perfeito pra colocar na entrada da sua casa, não?

Pois o set “The Exorcist Rising Regan Prop” é uma réplica quase perfeita e animada, que traz a menina vestida de camisola em cima da cama. Ela se levanta até ficar sentada, gira a cabeça 360 graus e deita novamente – Regan ainda acende os olhos e move a boca. Ela também toca música tema do filme e fala 6 frases! Pra quem quiser, o “The Exorcist Rising Regan Prop” custa 217,19 dólares na Internet.

Um dos filmes mais assustadores do todos os tempos, “O Exorcista” acaba de virar uma lancheira!!! Quer dizer, acaba de servir de inspiração para essa lancheira oficial criada pelo designer Christopher Franchi, da empresa Metaluna 5 Media. Com ela na escola, com certeza todo mundo vai pensar duas vezes antes de tentar roubar o seu lanche!! E também, é claro, ela serve pra guardar outras coisas, ou mesmo pra dar pinta na Trash 80′s e carregar seus documentos.

A The Exorcist Lunch Box é feita em lata customizada e pintada com os personagens do filme, com destaque a um clone bem intimidador da Reagan já possuída, e tem também uma garrafa térmica. Infelizmente trata-se de uma peça única, que não será colocada à venda, o que só aumenta ainda mais a vontade de ter. Mas quem sabe um dia eles se animam e produzem isso de verdade?

(fonte: Blog de brinquedo)

Lançado em 1990, o filme “A Repossuída” trazia a atriz original do filme “O Exorcista”, a Linda Blair, fazendo uma paródia dele juntamente com o hilário e saudoso comediante Leslie Nielsen. O filme reproduz em tom de brincadeira diversas das cenas mais aterrorizantes do clássico do terror, e a atriz provou que, na realidade, não há nada melhor do que rir de si mesmo de vez em quando.

Entre as cenas clássicas parodiadas no filme estão as famosas cenas do vômito na cara do padre, o giro de 360 graus com a cabeça, a cena de levitação em cima da cama e por aí vai. Apesar de não ter recebido boas críticas na época, o filme acabou trazendo Linda de volta aos holofotes da fama, uma vez que ela havia passado um bom tempo antes disso envolvida com problemas com drogas e álcool.

Criança prodígio, Linda Blair começou desde muito pequena a atuar como atriz em comerciais de TV e logo chamou a atenção de grandes produtores de Hollywood. Aos 14 anos de idade, ela ganhou, depois de uma longa disputa com outras atrizes, o papel de Regan McNeil no filme O Exorcista – um dos maiores clássicos do terror em todos os tempos.

Mal sabia ela que o impacto que o filme causaria na cultura pop mundial fosse ser tão grande. Em 1977, ela repetiria o papel no fracasso “O Exorcista II” e em 1990 tiraria sarro de si própria na comédia “A Repossuída”. A fama e o dinheiro ganhos durante os anos 70 e 80 também tiveram um peso negativo em sua carreira, fazendo com que Linda se envolvesse com alcoolismo e drogas desde muito cedo – mas na virada dos anos 90, ela abandonou tudo e decidiu recuperar o tempo perdido.

A carreira de Linda Blair sempre foi mais voltada aos filmes trash, e ela se tornou praticamente uma verdadeira rainha do gênero. Entre produções bizarras de terror e ficção-científica, pouca coisa realmente se salva. Também participou de diversas séries de TV, incluindo “MacGyver” e “Married… With Children”. Ela está na ativa até hoje, curtindo seu status de diva entre os fãs do cinema trash e de terror e paralelamente ocupa seu tempo com ações de proteção aos animais.

Esse é mais um daqueles filmes que viraram cult ao longo dos anos e até hoje possuem fãs ao redor do mundo. Afinal de contas, o que pode se esperar de um filme que coloca a atriz Linda Blair (a menina possuída pelo demônio do filme “O Exorcista”) arrasando nos patins ao som de disco music? Um verdadeiro clássico, é claro!

“Roller Boogie” foi lançado em 1978 bem no auge da disco (e também dos patins). É um daqueles filmes onde a história, pra variar, não interessa muito: o que vale mesmo são as cenas super absurdinhas e a trilha sonora genial. Mas se mesmo assim você estiver interessado em saber, “Roller Boogie” conta a história de um casal que se apaixona num ringue de patinação e que juntos sonham em vencer o grande concurso de disco boogie – e para isso tem que lutar contra um mafioso que quer colocar um fim nesta coisa toda de “discoteca”.

A trilha sonora é um show à parte e, apesar de contar com uma música da cantora Cher, traz apenas artistas desconhecidos do grande público. Mesmo assim, foi um grande sucesso, e foi lançada nas lojas como um disco duplo! O filme foi lançado em DVD há pouco tempo no exterior e com sorte você encontra algumas cópias por aqui também.