Arquivo da tag: Evandro Santo

Há muito tempo atrás, numa galáxia distante, Rafinha Bastos trabalhava aqui com a gente na Trash 80′s. O que é hoje a Rádio Trash, na época era uma versão embrionária que demorava um tempão pra carregar, já que as conexões eram péssimas, que a gente colocava clipes e músicas.

Rafinha, que cuidava dos vídeos da festa na época, teve a ideia de criar um jogo pra entreter enquanto os clipes eram carregados. A inspiração foi o Pac-Man, rebatizado de Pac-Neas. Depois de comer pastilhas com o bordão “sei”, saia caçando os “fantaminhas”: Evandro Santo (como Janeyde, hoje no Pânico na TV), Ligelena (Que era da assessoria de imprensa), Tonyy( sócio e DJ) e o próprio Rafinha.

Jogue para relembrar!

E hoje, sexta, acontece a festa que celebra os 30 anos do ícone dos videogames, Pac-Man.

Trash 80′s apresenta
Pac-Man – 30 anos
no Clube Caravaggio
Sexta, 8 de outubro, a partir das 23h
Tributo ao jogo mais cult dos anos 80
Videogame no lounge e decoração especial
Brindes para os 100 primeiros freqüentadores
Com flyer impresso ou doação, R$ 15 até 1h
Ícone de uma geração, o simpático e compulsivo comedor amarelo faz 30 anos e ganha uma festa especial. Da decoração aos vídeos, a Trash 80’s relembra a importância do Pac-man para a cultura pop. Os primeiros que chegarem ganham um brinde-surpresa limitado.

A Trash 80′s também participou das comemorações do 6 anos do programa Pânico na TV no Love Story em São Paulo. DJ Tonyy e “nossa” musa Rita Cadillac marcaram presença no evento. As fotos são da nossa produtora Chiara Rodello.

Há minutos, Evandro Santo falou sobre a Trash 80′s no Bate-papo do UOL. Ao ser questionado por um internauta sobre a fase em que foi host da festa, ele lembrou com saudosismo do começo de tudo. “A Trash 80′s surgiu como uma coisa muito nova, relembrando os anos 80. Paralela a ela, veio o Terça Insana, entre outros. Eu queria estar lá naquele momento e conheci muita gente bacana, que também estava nesse burburinho, como o Rafinha Bastos, que também era da Trash”. Da Janeyde, sua criação para receber os trashers às sextas-feiras, lembrou dos afazeres, além da preocupação com a caracterização. “Ficava na porta com a lista VIP. Toda semana bolava roupas horríveis que era a cara dela e adorava comer salsicha bebendo champanhe, para depois arrotar”. Indagado se ainda vai à festa, ele diz que aparece por lá quando há algum evento comemorativo. Para ele, isso é uma forma de agradecer a oportunidade que lhe foi dada anos atrás. Simpático, né?

Por Alessandro Fiocco

Poucos se lembram, mas Evandro Santo já fez parte do staff da Trash 80’s. Às sextas-feiras, era ele quem animava a porta travestido como a drag baranga Janeyde. Logo se aventurou pelos espetáculos de stand-up e foi descoberto pela turma do Pânico. Um dos sucessos do televisivo, Evandro dá vida à Christian Pior – sátira ao estilista Christian Dior -, que fala o que pensa para famosos e anônimos. Querido da Trash 80’s, o fofo aceitou de pronto esse papo. Confira:

Quais lembranças você tem da época em que fazia a Janeyde, na porta da Trash 80′s?
Lembro-me que adorava comer salsicha  acompanhada de champanhe na porta e depois arrotar horrores!

O que você traz dos anos 80 que acaba sendo injetado na composição de seus personagens?
O gosto exagerado pelas roupas, a personalidade fofoqueira das minhas vizinhas de Uberaba e o jeito “wannabe” de ser.

O Christian é muito ligado em moda e luxo. Dentro da moda o que é “in” e “out” para ele?

In

Champanhe a qualquer hora do dia;

Nome limpo (comprar sem se endividar);

Uma máquina de Nespresso em casa (fundamental);

Óculos “Carrera” em qualquer ocasião;

Jogação forte nas festas.

Out

Gente que mente sobre si mesmo (não sente-se bem na própria pele);

Pessoas que levam-se a sério e não riem de si mesmas;

Povo arrogante, que não é legal com porteiros, com as tias do café e com as outras pessoas;

Roupa emprestada (detesto);

Gente que usa a fama para conseguir tudo de graça e não quer pagar nada.

Com o seu trabalho no Pânico, você passou a fazer parte de dois mundos distintos. Um é o do repórter curioso que corre atrás dos famosos e os assedia; por outro lado você também se tornou uma celebridade, com todos os prazeres do pacote: assédio, badalação e festas. Qual dos dois lados dá mais prazer?
O que mais gosto é ganhar roupas, ser primeira fila nos desfiles e conhecer pessoas incríveis como Ivete, Marília Pera, Gretchen, Ingrid Guimarães, Caetano Veloso, entre outros. Mas adoro fazer porta! Amo ficar lá fora, tipo um vira-lata doido latindo e causando.

O mundo dos famosos é tão glamoroso assim ou isso é mito?
É mais trabalhoso que glamoroso. Se você trabalha muito, sobra pouco tempo para o glamour…

Se o Christian encontrasse tais celebridades midiáticas, o que diria para elas:
Madonna – Acorda: Este Jesus não tem Luz. “Avoe” com ele!
Donatella Versace- Gata, que vontade de ser loira. Menos, Rogéria só tem uma e é brasileira!
Paris Hilton- Eita boquete ruim, hein? Liga pra Maíra do BBB.
David Beckham- Já comeu uma rosquinha mineira? Quer? Alimenta e faz bem…
Susan Boyle- Se um dia a fama acabar, a Praça é Nossa te contrata, fia.

Evandro Santo, mais conhecido como Christian Pior, agora tem uma estação na Rádio Trash 80′s!

Músicas selecionas por ele embalam a rádio, que vai desde George Michael, Pet Shop Boys e a musa do ator, Madonna!

Clique na imagem para ser redirecionado a rádio.