Arquivo da tag: bo derek

Neste sábado da Trash 80′s faz sua tradicional eleição da Garota Verão. A produção da festa escolherá cinco frequentadoras e depois de uma transformação completa, elas disputam no palquinho o cobiçado título – tudo em nome da brincadeira, é claro. Pra isso, nada melhor que lembrarmos três grandes “garotas verão” dos anos 80.

A primeira delas era a bela Bo Derek. Ela se tornou um dos maiores símbolos sexuais daquela década ao aparecer no filme “Mulher Nota 10″, de 1979. Depois deste, ela passou a protagonizar diversos filmes de baixo orçamento e alguns clássicos do cinema trash, e está na ativa até hoje – e até que continua bem bonitona!

Outra foi a super-modelo Carol Alt. Uma das modelos mais bem pagas dos anos 80 e precursora do estilo “Gisele Bundchen”, Carol arrasava nas edições de verão da revista Sports Illustrated, sempre com maiôs ousadíssimos para a época, e também fazia bonito nas passarelas. Dizem por aí que ela chegou até a namorar o Ayrton Senna! Hoje em dia, ela tem várias ocupações, desde personalidade de programas de TV até dona de sua própria linha de jóias.

Heather Locklear também foi uma das mais HOT dos anos 80, e talvez a única que realmente foi ficando mais famosa com o passar do tempo, sendo super conhecida dos fãs das séries de TV até hoje. Heather fez seu primeiro filme em 1981, mas explodiu no mundo todo ao protagonizar o seriado clássico dos anos 90 “Melrose Place”, função de repetiu na segunda versão da série, em 2009.

Morreu na tarde de ontem o lendário diretor de cinema Blake Edwards, aos 88 anos. Blake foi um dos maiores nomes do cinema norte-americano em todos os tempos, e responsável por clássicos como “Bonequinha de Luxo”, “Um Convidado Bem Trapalhão” e todos os filmes da série “Pantera Cor de Rosa” ao lado do ator Peter Sellers.

Em 1979, ele dirigiu o filme “Mulher Nota 10″, que transformou a atriz Bo Derek num dos maiores símbolos sexuais dos anos 80 e também foi um dos melhores filmes estrelados pelo ator Dudley Moore. Em 1982, Blake dirigiu “Victor ou Victoria”, um musical que contava a história de uma cantora lírica que encontra um cantor gay (ambos desempregados e passando bons apuros pra conseguir dinheiro) e juntos bolam um plano onde ela se faz passar com um homem para dar um golpe – mas tudo acaba dando errado quando ela se apaixona por um gângster. Com certeza, Blake parte deste mundo deixando muita saudade!