Por essa ninguém esperava: em uma entrevista recente, o cantor Ricky Martin declarou que já teve um comportamento homofóbico no passado, antes de se assumir – e virar um dos maiores ícones gays do mundo.

“Eu era muito revoltado com tudo. Eu olhava para homens gays e pensava ‘eu não sou assim, não quero ser assim’… Eu sentia vergonha deles”, disse à revista GQ australiana. “Quando você cresce ouvindo de todo mundo que isso é errado, sua autoestima é esmagada. E acabei descontando minha raiva nos outros”. Isso só serve para comprovar vários estudos científicos que dizem que grande parte dos homofóbicos são na verdade homossexuais que não tem coragem de assumir sua sexualidade para eles mesmos!


Gostou? Veja também:
Comente no Facebook
Comente