Arquivo do mês: maio 2013

A Nany People é uma querida amiga da Trash e está sempre por lá. É responsável por tornar a música da Elizângela, “Pertinho de Você”, um dos grandes hits da festa. Mesmo quando vai só pra curtir, adora subir ao palco para dançar essa música.

Como hoje ele se apresenta na festa oficial de respeito à diversidade na Trash 80′s, separamos três momentos inesquecíveis da Nany People no nosso palquinho.


Participando da nossa homenagem a Hebe Camargo


Cantando “Nuvem de Lágrima” no Show de Calouros da Trash


Arrasando no palquinho muy caliente

31/5 – Sexta – Preconceito não entra aqui
Pré-Parada LGBT de São Paulo
A volta do Programa Incríííííííiível
Participação especial: Nany People
Sets especiais
Ação beneficente em prol da Casa de Apoio Brenda Lee
Com 2kgs de alimentos não perecíveis (exceto sal ou açúcar), VIP até meia-noite

Confirme sua presença e convide seu amigos do Eventos Trash 80's no Facebook

Trash 80′s
Quando:
Sexta, 31/5, a partir das 23h
Onde: Clube Caravaggio – Rua Álvaro de Carvalho, 40, Centro – São Paulo
Quanto: R$ 35. Com reserva ou flyer impresso do site, R$ 30 até às 3h
Com Cartão de Fidelidade Clube Caravaggio/Trash 80′s, R$ 20
Reservas: reservas pelo site www.trash80s.com.br até às 16h do dia da festa (ou da véspera, no caso das festas que acontecem aos sábados e nos feriados oficiais). Reservas sujeitas a disponibilidade.
DJs: Eneas Neto e Pol Eugênio
Hosts: Paula Funny e Cristiano Pereira
Informações: (11) 3262-4881 / (11) 99162-8588 ou clique aqui.
Classificação etária: 18 anos
Ar-condicionado / Acesso para portadores de necessidades especiais / Proibido fumar
Não possui estacionamento próprio
Aceita dinheiro e cartões Visa e Master (débito e crédito)

O palco da Trash 80′s sempre abriu espaço para performances incríveis das principais drag queens do país. Algumas delas faziam dublagens impecáveis, tais como Lemoine e Paulette Pink. Já outras, como a lendária Silvetty Montilla, faziam esquetes humorísticos e brincadeiras que faziam todo mundo morrer de rir.

Em 2007, Silvetty se apresentou mais uma vez na Trash 80′s centro e cantou a sua versão do clássico oitentista “Eu Sou Free”. É claro que todo mundo se divertiu muito e cantou junto! Silvetty é uma trasher de coração e é sempre benvinda por aqui!

Vamos lá provar quem aqui é mesmo fã de carteirinha do Legião Urbana? Com seus mais de nove minutos de duração, “Faroeste Caboclo” é realmente uma música difícil de saber cantar inteirinha sem errar e sem precisar colar. Mas se o Renato Russo conseguia, todo mundo pode conseguir também!

“Eu acho legal que as pessoas gostem da história. Um motorista de táxi, outro dia, me disse que tinha um amigo que comprou a fita porque era, exatamente, a história do irmão dele. O cara tinha saído de Mato Grosso e ido a Brasília, e morreu num tiroteio no Nordeste. E a canção é totalmente fictícia”, disse Renato em entrevista em 1988.

“Acho que Faroeste Caboclo é uma mistura de “Domingo no Parque” de Gilberto Gil, e coisas do Raul Seixas com a tradição oral do povo brasileiro. Brasileiro adora contar história. E eu também queria imitar o Bob Dylan. Eu queria fazer a minha “Hurricane”, completou, dois anos mais tarde.

Inspirado pelo recente sucesso de desenhos dos anos 80 que viraram filmes em Hollywood tais como os Transformers e os Smurfs, o jornal inglês The Sun realizou uma enquete com seus leitores perguntando qual o cartoon preferido deles daquela época e que eles mais gostariam que virassem filme.

O jornal recebeu mais de 14 mil votos, e quem ganhou com larga vantagem foi o loiro fortão He-Man. Apesar de já ter inspirado um filme nos anos 80, os leitores querem mesmo é que ele volte numa produção atual, seja como uma animação ou mesmo com atores reais. Quem ficou em segundo lugar foi “A Corrida Maluca”, e a aventura fantástica do “Dungeons And Dragons” ficou em terceiro.

Todo mundo sabe que nós da Trash 80′s adoramos a Divine, né? A saudosa drag queen americana foi a atriz preferida do maior diretor trash de todos os tempos, o John Waters, e também lançou vários discos que fizeram um enorme sucesso nas pistas mais fervidas do mundo.

As músicas gravadas por Divine nos anos 80 seguiam sempre a mesma linha: uma base dance (estilo “hi-nrg”) e letras divertidas. Entre seus principais hits podemos destacar “Native Love”, “Shake It Up” e o hino “Walk Like a Man”. Mas também tivemos essa pérola chamada “I’m So Beautiful”, cujo vídeoclipe é um clássico!