O diretor de cinema Tony Scott morreu na tarde deste domingo em Los Angeles, EUA. Segundo relatos, ele se suicidou pulando de uma ponte de cerca de 3 metros, se atirando ao mar. Uma carta de despedida foi encontrada em seu escritóriomas seu conteúdo não foi revelado. Nascido em 21 de junho de 1944 na Inglaterra, Tony foi responsável por diversos clássicos dos anos 80, mas nunca caiu nas graças dos críticos de cinema.

Entre os melhores filmes dele estão o terror “Fome de Viver”, que reuniu o cantor David Bowie e as atraizes Catherine deneuve e Susan Sarandon em tórridas cenas de amor vampiresco, “Um Tira da Pesada” e “Dias de Trovão”, e é claro, um dos maiores ícones do cinema oitentista, “Top Gun – Ases Indomáveis”. Tony era irmão de Ridley Scott, diretor de “Blade Runner”, e cultuado – além de ser influência assumida – de diretores modernos como Quentin Tarantino.


Gostou? Veja também:
Comente no Facebook
Comente