Pior notícia da semana? Sim! Morreu na manhã desta quinta-feira a cantora Donna Summer, vítima de um câncer, aos 63 anos. Donna foi não somente a Rainha Absoluta da Disco Music nos anos 70, como também uma das maiores cantoras da história da música pop. E se você acha que Madonna, Kylie, Lady Gaga e tantas outras existiriam se Donna não tivesse surgido antes, está muito enganado!

Donna Summer, cujo nome verdadeiro era LaDonna Adrian Gaines, lançou seu primeiro single em 1971 sob o nome de Donna Gaines e ainda muito influenciada pela música das igrejas americanas. Foi só com o lançamento da polêmica “Love To Love You Baby”, em 1975, que ela, já como Donna Summer, explodiu no mundo da música pop. Com quase dez minutos de duração, a música trazia a cantora simulando orgasmos – o que fez a faixa ser proibida em diversos países.



Ao longo dos anos, Donna emplacou dezenas de hits nas pistas e rádios do mundo inteiro: “Last Dance”, “On The Radio”, “MacArthur Park”, “Hot Stuff”, “Bad Girls” entre outras. Ela ganhou, ao todo, cinco prêmios Grammys, o mais prestigiado do mundo da música.

Em 1977, ela fez junto com o produtor Giorgio Moroder o primeiro compacto da história inteirinho de música eletrônica a chegar no topo das paradas, o mega-clássico “I Feel Love”, abrindo assim caminho para todas as outras divas pop dos anos 80 em diante.

Donna estava ativa e cantando até recentemente, se apresentou no Brasil diversas vezes, e sempre manteve sua doença em sigilo. Com certeza, o mundo fica mais triste com sua partida.

Gostou? Veja também:
Comente no Facebook
Comente