Arquivo do mês: maio 2012
Festa Junina da Trash - 22/6

Festa Junina da Trash - 22/6

Há 10 anos a Trash 80′s estabelece um padrão de diversão descompromissada na noite paulistana. Em junho, a produção da festa realiza anualmente um arraial único na cidade, unindo o universo da festa – multicolorido, kitsch e com total respeito à diversidade – com barracas de comidas típicas, gincanas, quadrilha e as músicas mais gostosas de dançar.

Em 2012, para celebrar uma década de vida, a Trash 80′s promove a maior festa junina de sua história. O lugar escolhido será o Clube Hotel Cambridge, núcleo de casas noturnas no centro de São Paulo, que integra duas pistas de dança, dois lounges temáticos e outros cinco ambientes que receberão decoração especial para o público entrar no clima.

Um festão daqueles, com muita pipoca, algodão-doce, pamonha, cachorro quente, milho verde, carne louca, quentão, vinho quente e delícias típicas do interior. Tudo isso com a trilha sonora que dispensa apresentações.

22/6 – Sexta – Festa Junina da Trash
2 pistas: Trash 80′s e SuperTrash (90′s e pop)
7 ambientes
Quadrilha
Barraca do Beijo
Correio elegante
Delícias típicas do interior
Cadeião da Trash
Shows e performances com a Trupe Trash
Cowboys a go-go
Vestido no tema da festa, paga R$ 25 de entrada ou R$ 60 de consumo até 1h

Confirme sua presença no Eventos Trash 80's no Facebook

Festa Junina da Trash
Quando:
sexta, 22/6, a partir das 23h
Onde: Clube Novo Hotel Cambridge – Rua João Adolfo 108 (esquina com Rua Álvaro de Carvalho), Centro, São Paulo
Quanto: R$ 25 (associados Trash 80′s, lista de aniversariantes e vestido a caráter), R$ 30 (reservas), R$ 35 (porta). Os valores podem ser convertidos em consumação, sob consulta.
Hosts: Paula Funny, Allan Bless e Cristiano Pereira
Informações: (11) 3262-4881 / (11) 9162-8588 ou clique aqui.
Site: www.trash80s.com.br/festajunina

Sinhá Moça foi uma das telenovelas brasileiras de maior sucesso em todos os tempos, e uma das novelas mais exportadas do canal para países fora da América Latina. Exibida na faixa das 18 horas, de 28 de abril a 14 de novembro de 1986, contou com 173 capítulos e foi escrita por Benedito Ruy Barbosa. Inspirada no clássico romance de Maria Dezonne Pacheco Fernandes, teve Lucélia Santos como protagonista.

Legítima novela de época, trazia a luta entre monarquistas e republicanos em Araruna, pequena cidade do interior paulista no ano de 1886, dois anos antes da promulgação da Lei Áurea. Tudo isso era rodeado pela história de amor de Sinhá Moça, filha de um Coronel escravocrata com o jovem Dr. Rodolfo Fontes, um ativo abolicionista republicano. Um remake de Sinhá Moça foi produzido pela Rede Globo e exibido em 2006.

Na edição de Ano Novo do “Globo de Ouro” exibida na noite de 31 de dezembro de 1989, a Rainha dos Baixinhos Xuxa cantou seu clássico “Tindolelê” e recebeu o Troféu Globo de Ouro de Melhor Álbum Infantil de 1989 pelo seu quarto disco “Xou da Xuxa”. Foi justo naquele ano que foi criada a versão masculina das assistentes de Xuxa – os Paquitos!!

Em 1989, o programa era apresentado nas noites de quarta-feira por Cláudia Raia e César Filho, mas logo Isabela Garcia e Guilherme Fontes ocuparam a posição. Em setembro, Guilherme foi substituído pelo locutor de rádio Jimmy Raw. Um dos quadros surgidos naquela ano foi o “Flashback”, com músicas antigas de artistas que marcaram época.

Um dos maiores “one hit wonders” (artistas ou bandas que só conseguiram emplacar um único sucesso em suas carreiras) dos anos 80, o Bucks Fizz está de volta com sua formação original e com disco novo. Cheryl Baker, Mike Nolan e Jay Aston agora atuam com o nome “The Original Bucks Fizz” e lançaram um álbum chamado “Fame & Fortune”, que possui seis faixas inéditas e outros seis remixes de faixas antigas. No site oficial do grupo é possível ouvir alguns trechos: http://www.theobf.co.uk/music.php.

O Bucks Fizz surgiu na Inglaterra em 1981, claramente inspirado no ABBA, e como o representante oficial do país no Festival Eurovision da Canção daquele ano. Eles acabaram ganhando o festival com a música “Making Your Mind Up”, que chegou no primeiro lugar na Inglaterra, mas seu único sucesso fora do país foi a faixa “Land Of Make Believe”.

No ar na faixa das 18hs na Rede Globo entre 17 de setembro de 1984 e 13 de abril de 1985, a novela “Livre Para Voar” teve 179 capítulos e, quando acabou, foi sucedida pelo enorme sucesso “A Gata Comeu”. Em seu elenco principal estavam grandes nomes da época, tais como Tony Ramos,
Carla Camurati, Cássia Kiss, Cássio Gabus Mendes e Nívea Maria.

A atriz Silvana Teixeira, a famosa e querida apresentadora do programa infantil Bambalalão, era a atriz cotada para ser a protagonista, mas acabou recusando o convite. Um dos pontos altos da novela foi sua trilha sonora, repleta de hits que hoje fazem sucesso na pista da Trash 80′s, tais como “Tic Tic Nervoso” do Magazine, “Careless Whisper” do George Michael e “Recado (Meu Namorado)” da cantora Joanna.