pedro-beck

Você é conhecido como baladeiro, blogueiro, tuiteiro. Qual dessas três funções você gosta mais?
Baladeiro. Fazer festas é meu trabalho como promoter, logo, aparecer nas festas de outros promoters também. E é o que mais sinto prazer em fazer. O blog é uma extensão de um hobby (seriados) e o twitter é só asneira e divulgação.

Como amante de séries de TV, tem alguma preferida da década de 1980?
“A Gata e o Rato” (Moonlighting), com certeza, é minha favorita. Mas prefiro séries mais antigas dos anos 1960, principalmente, como “O Prisioneiro”.

Quais são os planos para a a vida como produtor de festas?
A Balada Mixta está saindo da Funhouse. É a primeira vez que falamos isso publicamente. Vamos ficar um tempinho curto de férias e voltamos em novo formato mensal e aos sábados.
A Rendezvous, minha nova festa no Glória ainda está engatinhando e em junho terá sua segunda edição.
Além disso, tenho um projeto engatilhado para meados do segundo semestre. Mas esse é sete chaves!

Você vê alguma relação entre a Balada Mixta e a Trash 80′s?
Claro. Ouço muito que a Mixta lembra o começo da Trash. Pelo rápido sucesso, pela proposta, pelo som, pelas viagens pelo Brasil. Se tivermos metade do reconhecimento já considero uma vitória.

Qual você acha que é o segredo para uma festa ter vida longa?
Fazer por amor, por tesão, por acreditar na proposta – nunca pelo hype ou só pelo dinheiro. Quem você puxa para ficar a sua volta é muito importante também. Sem bons parceiros e pessoas tão comprometidas quanto você, nada acontece.

Fale um pouco da parceria com Daniel Carvalho, a Katylene.
O Dani, além de meu sócio, é meu melhor amigo. A parceria com ele se encaixou desde o começo; cada um com suas funções. Isso é fundamental, pois estamos sempre juntos, tocando juntos, saindo juntos, viajando juntos. E realmente nos entendemos como irmãos. Quando a gente briga, começamos a cantar uma música bem ruim e fica tudo bem! (Risos)

Gostou? Veja também:
Comente no Facebook
Um comentário
  1. Pingback: Balada Mixta mudará « Ai eu vi Vantagem


Comente