O galã Ethan Hawkec

O astro começou sua carreira nos anos 1980 com filmes como “Viagem ao mundo dos sonhos” (Explorers – 1985), “Pai” (Dad – 1989) e “Sociedade dos poetas mortos” (Dead Poets Society – 1989).

Depois vieram inúmeros sucessos nos anos 1990 como “Caninos brancos”, “Caindo na real”, “Gattaca – Experiência genética” e “Neve sobre os cedros”; até que nesta década voltou aos cinemas com “Assalto à 13ª DP”, “O senhor das armas” e “Roubando vidas”.

Estamos falando do ator Ethan Hawke, que nasceu em 6 de novembro de 1970, e que recebeu uma indicação na categoria de Melhor Ator Coadjuvante do Oscar por “Dia de treinamento” (2001) e também de Melhor Roteiro Adaptado por “Antes do pôr-do-sol”.

No mundo das fofocas, reinou a história do fim do seu casamento com a atriz Uma Thurman e seu posterior casamento com Ryan Shawhughes, que fora babá de seus filhos.

Parabéns Ethan, que venham mais prêmios e filmes de sucesso pela frente!

Gostou? Veja também:
Comente no Facebook
Um comentário
  1. Ethan Hawke é meu artista preferido por isto, sempre que tenho oportunidade falo um pouco sobre ele. Então vamos lá. Depois de Gattaca em 1997, quando conheceu, se apaixonou e casou com Uma Thurman, logo nasceu a primeira filha deles, Maya Ray. Feliz com a vida de casado, Hawke parou de atuar por um tempo. Isso foi em 1998 e desde então ficou cada vez mais exigente nas escolhas de seus trabalhos. Atuou somente em Hamlet em 2000 e Dia de Treinamento em 2001. Parou de atuar novamente e terminou de escrever o segundo livro. Entre um filme e outro ele faz também teatro que parece ser o que mais gosta. É constantemente boicotado por Hollywood, pois não aceita as exigencias dos poderosos. Dizem que só fez "Dia de Treinamento" por que foi exigência do Denzel Washington. No último filme Batman ele foi um dos indicados, mas os chefões de Hollywood não aceitaram. Em 2004 fez Roubando Vidas e sua vida deu uma guinada, pois aconteceu o escândalo da sua separação de Uma Thurman. A imprensa americana acabou com ele. Para quem foge dos holofotes e não gosta de ser tratado como estrela, foi um período difícil que ele superou trabalhando ainda mais. Enfim, gosto do Ethan Hawke não só por seus filmes, mas por ele valorizar a arte sem importar-se tanto com o sucesso de bilheteria. Daí veio o maravilhoso "Antes do Por do Sol" – 2004, sequencia do também fantástico "Antes do Amanhecer" – 1995, ambos filmes independentes que não fizeram sucesso com o grande público, mas para quem gosta de filmes inteligentes fica a dica. Hawke também escreveu dois livros, "The Hottest State", que adaptou no filme "Um Amor Jovem" – título no Brasil – e "Quarta Feira de Cinzas". Dois romances maravilhos. Ele também atua no teatro e, recentemente, viajou pelo mundo com duas peças de Sheakspeare e Checkov dirigidas pelo Sam Mendes. Enfin, acho que fiz um pequeno resumo sobre este super talentoso artista que agora está, junto com Willian Hurt, na ilha de Malta filmando a mini série de TV "Moby Dick". Aonde ele encontra tempo e folego pra tudo isso? Não sei.

    dialog

Comente