Neste sábado a dubladora Cecília Lemes (a voz da Chiquinha no seriado “Chaves”) não será a única atração da Trash 80’s na Vila Olímpia. A festa também preparou uma homenagem ao nosso querido DJ Catatau, que está completando cinco anos nas nossas pick-ups.

Se você não é um trasher veterano, nós montamos uma pequena entrevista com o DJ Catatau, assim todos vão poder conhecer melhor o trabalho deste incrível artista da Trash VO. Confira!

Como você resume sua.carreira de DJ. Faça para nossos leitores um “Catatau por Catatau”…
Começou como uma brincadeira. Como toda pessoa que ama música e ama dançar eu me encantei com o poder que o DJ tem nas mãos de escolher as músicas que fazem as pessoas se divertirem. Quando eu to na cabine a minha intenção é essa, levar diversão pra quem ta dançando o meu set. Comecei de farra, tocando nas festas que eu frequentava, às vezes inventando festa só pra ter a desculpa de tocar. Quando eu conheci a Trash 80′s, a festa já exista há uns dois anos, mas pra mim era tudo novidade e foi paixão a primeira vista. E é lógico que eu fique morrendo de vontade de discotecar na festa de fazer parte daquilo tudo. A primeira vez que eu pisei na Trash 80′s foi em março de 2004, virei Trasher que ia todo fim de semana até que me convidaram pra ser DJ convidado em julho e em outubro de 2004 eu estreei como DJ residente da Trash 80′s na Vila Olímpia. E foi a realização de um sonho que já dura cinco anos e eu quero mais 50 (risos).

O que representa para você estes cinco anos de Trash 80′s? Que lembranças boas e engraçadas você destaca durante a jornada?
São cinco anos de alegria no coração (risos). Aconteceram tantas coisas bacanas. E têm coisas memoráveis, grandes eventos, como tocar na Avenida Paulista na abertura da Parada Gay, ver a principal avenida da cidade com tanta gente quem nem dava pra enxergar o fim e ai eu toquei Tindolelê da Xuxa e ver aquele mar de mãos pra cima: “Pa ra ra ra ra HEEEEEEEEEEEEEYYYYYYY”. É foda, arrepia só de lembrar. Tocar no Tom Brasil (agora é HSBC) foi incrível também. E levar a Trash 80′s pra outros estados como Paraná e Santa Catarina. Mas também tem os momentos que vão acontecendo semana apos semana, o vinculo que vai se formando com os trashers, todas as noites são especiais de alguma forma.

E por que Catatau? Como surgiu o nome artístico? Podemos conhecer o nome verdadeiro do Catatau?
Catatau é nick de internet. É por causa do ursinho do desenho do Zé Colméia. Eu comecei a usar sem me preocupar muito em ter um significado e pegou. Falando assim parece que o meu nome é até um segredo (risos). Meu nome é Sérgio. Eu tenho cara de Sérgio?

Dentro do seu ‘set list’, quais sãos as músicas “obrigatórias” e “inesquecíveis”?
As musicas vão se revezado. Tem fases e também depende muito do publico. Eu adoro tocar músicas que tem resposta da pista, musica que o povo grita, canta junto, bate palma, levanta a mão. A reação da pista quando passa no telão a abertura do desenho “Nossa Turma” com a música “Get Along Gang” é incrível, uns param pra ver, outros ficam apontando pro telão é gostoso quando rola essa química. Tem o clipe dos brinquedos com o jingle da estrela que também causa uma reação bacana.

Além de DJ, o que mais faz o Catatau da vida? Mate nossa curiosidade e passe sua ficha corrida com outras profissões e hobbies…
Então, né? (risos). De segunda a sexta eu trabalho num banco, todo arrumadinho (risos). Agora eu comecei a fazer academia pra cuidar do corpinho. Meu hobbie ultimamente é cuidar da fazendinha do Facebook (Risos). Oh praga que vicia! E eu to tentando fazer um blog onde eu reúno e comento o “Top 10” das paradas dos Estados Unidos e da Inglaterra (www.tophitsingles.blogspot.com) quando a preguiça deixa eu cuido dele, tá bonitinho.

E para o futuro, quais os planos do DJ Catatau? Pretende emplacar mais cinco anos de Trash 80′s?
Quero mais 50 anos de Trash 80s! Quero continuar tocando na Trash 80′s, fazer cada vez mais bagunça, tocar de vez em quando no centro. Beijo pro Eneas (risos).

Serviço: Trash 80′s Vila Olímpia
Local: Spazio
Endereço: Rua Julio Diniz, 176, Vila Olímpia – São Paulo (SP)
Quanto: R$ 30. Com reserva, flyer ou carteirinha de desconto ISIC/STB, R$ 25 até a 1h. Com nome em lista de aniversário, R$ 20 até a 1h.
Dia: 24 de outubro de 2009
Horário: A partir das 23h.
Informações: (11) 3262-4881 ou contato@trash80s.com.br.
Lotação: 800 pessoas
Classificação etária: 18 anos
Ar condicionado / Acesso para portadores de necessidades especiais / Proibido fumar
Não possui estacionamento próprio
Aceita dinheiro e cartões Visa e Master (débito e crédito)

Gostou? Veja também:
Comente no Facebook
Comente