Já falamos por aqui e todo mundo deve ter notado que o revival dos anos 80, que estourou já há alguns anos, continua firme e forte e parece que ainda tem muito chão pela frente. Afinal, nesses tempos de crises e epidemias, é normal que as pessoas queiram resgatar os bons tempos de alguma forma. E existe década mais divertida que a dos anos 80? Cheia de personagens marcantes, liberdade de expressão e muito colorido, ela está de volta com tudo e em tudo (e já faz um tempinho).

Para comprovar, basta parar por alguns instantes frente à uma banca de jornal. E foi isso que Eneas Neto fez hoje, parou, viu e trouxe para o escritório da Trash 80′s as edições do mês de julho das revistas Rolling Stone e Trip:

Michael está em diversas capas por conta de sua trágica morte e dos mistérios que rondam o fato, mas aposto que ele estamparia capas e interiores de revistas mesmo se estivesse vivo, afinal, antes de nos deixar, o Rei do Pop estava prestes a estrear em sua volta triunfal aos palcos.

E Serginho Mallandro, numa foto que caracteriza com excelência o espírito da “década perdida”, também aparece à frente de uma grande revista. Aliás, a matéria e a entrevista desta última estão bem bacanas. Vale à pena conferir e saber um pouco mais sobre a vida do eterno “capeta em forma de guri”.

Gostou? Veja também:
Comente no Facebook
Comente