Há quanto tempo você freqüenta a festa?
Eu acho que há uns 3 anos. Não lembro direito, mas é mais ou menos por aí.

Conte um pouco sobre como conheceu a Trash 80′s.
Meu amigo sempre falava dessa balada, mas eu não sabia o que era. Eu sempre ouvia-o falando com outros amigos que a “Trash é isso, a Trash é aquilo, conheci não sei quem na Trash, e não sei o quê da escada da Trash, fiquei com não sei quem na Trash, a Trash, a Trash e a Trash”. Enfim, eu nunca gostei muito de balada, mas de tanto ouvir, teve um dia que eu fiquei injuriado e falei: “Mas que p$#&%, me leva nesse lugar”. Quando entrei naquele lugar foi como se eu passasse pra outra dimensão. Eu pensei: “Nossa, entrei num mundo mágico”. Nunca consegui parar de ir. Fico aflito a semana toda esperando chegar o fim de semana pra poder voltar.

Nesse tempo todo, qual foi a sua festa inesquecível?
Ahhh, foi a Boys Band que teve agora em agosto. Eu participei da performance que foi na escada. Foi muuuito divertido e engraçado, todo mundo me falou que foi o máximo. Inesquecível.

Cite as 5 coisas de que mais gosta na Trash.
Ahhh, o que eu mais gosto mesmo são as pessoas que trabalham lá. Não só as atuais, mas também as que passaram por lá antes e que eu tive o imenso prazer de ter conhecido.
Sobre as músicas não tem nem o que falar, são ótimas!
As pessoas que freqüentam também, me tornei amigo de muita gente, pessoas que de eu gosto muito.
Dançar no palquinho mesmo não sabendo as coreografias direito!! Hahaha É muito legal!!
Ahhh, e não poderia faltar o famoso “balde” que a gente sempre acaba tomando pelo menos um.

Todo mundo já pagou um ‘micão’ na Trash 80′s. Qual foi o seu?
Nossa, esse dia foi tenso! Foi o dia em que o Brasil perdeu da França nessa última copa, teve churrasco em casa e a gente tava só na manguaça, né. Mas eu fiquei tão desiludido esse dia e acabei indo pra Trash. Lá eu fiquei só na manguaça de novo. Meu amigo disse que eu vomitei até o que não tinha, que eu cai no chão do banheiro e ainda ficava rindo, depois falou que eu fiquei no mezanino que ele teve que pedir pra um casal (que estava na maior pegação, é claro) dar espaço pra eu sentar que eu tava sem condições, que era sério e tudo mais. Teve mais coisa no mezanino, mas prefiro não comentar, hahaha. Lembro que nesse dia eu voltei pra casa sem carteira e que eu tive que sair carregado de lá. Foi o piti da minha história, hahaha.

Resuma a Trash 80′s em uma palavra!
Magia!

Pra você, quais as músicas mais legais da Trash 80′s?
A que eu mais gosto é aquela das Paquitas, “É tão bom”. Mas eu gosto muito de todas, os anos 80 só têm músicas legais.

Gostou? Veja também:
Comente no Facebook
Comente