Nossa! Realmente a minha história com a Trash é um pouco estranha.

Estava eu num belo dia acessando a Internet, quando, de repente, vi um link sobre o lançamento do CD “Trash 80′s Volume 1: Edição Nacional”. Fiquei interessado logo de cara, porque amo demais as músicas dos anos 80. Me deixam super pra cima. Tal link me direcionava à página inicial da Trash 80′s. Então li sobre o CD, vi quais eram as músicas, etc. Acabei imprimindo um flyer para ir sábado na Trash, porém acabei não indo, pois me chamou mais a atenção o link do Acampa Trash, que ocorreria no feriado da semana seguinte, e eu, simplesmente disse a mim mesmo: EU VOU! (A “lôca” !)

Mesmo sem NUNCA ter ido à Trash, dei uma de louco e resolvi ir a esse maravilhoso passeio, e quem sabe, fazer novas e loucas amizades. E não é que eu consegui mesmo?

Logo na ida, no ônibus mesmo, me fizeram tomar várias bebidas que eu jamais pensei em beber. Então, sem mais nem menos, me soltei com todo mundo, foi beijo pra lá, beijo pra cá, nem me lembro quem eu beijei. Só sei que meu apelido desde este dia é Virgem, devido a essa minha loucura de primeira vez com toda essa galera gente boa.

Bom, depois desse Acampa, acabei indo na Trash na sexta-feira mesmo, já subi no palquinho e arrasei, não tinha um ser que não sabia da minha existência!

Conheci também a Pop Trash, que, sem dúvida, foi uma das melhores noites da minha vida. Como me diverti! Impossível não se divertir na Trash!

Acho que escrevi demais, mas essa é minha história.

Espero que seja o escolhido. Ficarei muito feliz!

Ah, não me esquecendo, três coisas que eu gosto na Trash:
1) As músicas do Balão Mágico e da Xuxa.
2) A Pop Trash.
3) O palquinho, que é tudo de bom, com direito a “French Kiss” e tudo!

Um grande beijo com muito carinho, do mais novo membro da galera mais louca dessa Terra!

Gostou? Veja também:
Comente no Facebook
Comente