Por Roberta Ribeiro para Trash 80´s

Se conversar com alguma mulher que na década de 80 tenha sido criança, é muito provável que, entre as boas lembranças da infância, esteja uma sandália de plástico muito conhecida, que na época levava o nome de Melissinha.

Duas décadas depois, o encanto continua, agora também com garotas adultas e grandes nomes do estilismo no páreo. A Melissa atual é uma verdadeira obra de arte de designers talentosos, que parecem disputar para saber quem cria o modelo mais bonito e arrojado. Bastante diferente do modelo aranha que se tornou clássico nos anos 80.

Mas de onde saiu a idéia de fazer uma sandália de plástico? Ainda na década de 70, a Grendene produzia telas plásticas para embalar vinhos. Um dos sócios da empresa viajou para a Inglaterra e lá percebeu que uma sandália de plástico chamada Fischerman era uma febre. Ao voltar para o Brasil, adaptou a idéia e nascia o sucesso que atravessaria decênios.

Um dos grandes atrativos da Melissinha, porém, não era seu formato. Os brindes que vinham com o calçado eram a razão do desejo infantil. Pochetes, bolsinhas, relógios, cada vez que um novo-velho modelo era lançado, um brinde diferente surgia e fazia com que as aprendizes de mocinhas enlouquecessem suas mães até conseguirem os novos mimos.

Conforto e versatilidade também eram boas qualidades da sandalinha. Ok, no calor, o pé suava e o chulé era inevitável.Mas a Melissinha era tão linda, confortável e combinava tão bem com quase todas as roupas que muitas meninas não queriam tirá-la do pé para nada.

Na década de 90, a Melissa ganha assinaturas novas pela primeira vez, como o modelo produzido pela Zoomp, em 1995. A partir daí, também surgem as imitações, já que as originais, com o acréscimo de grandes nomes ao solado da sandália, têm seus preços elevados.

Por fim, usar Melissa (agora sem o diminutivo e com direito a lojas exclusivas e cada vez mais difíceis de encontrar) tornou-se fashion. De popular, a sandália tornou-se objeto de desejo de modernas e descoladas. Melissa cresceu e evoluiu com e como as garotas que fizeram dela um ícone da moda brasileira.

Gostou? Veja também:
Comente no Facebook
Comente