Por Trash 80´s

Quem foi criança nos anos 80 lembra-se perfeitamente do Chocolate Surpresa da Nestlé. Ele era, para os padrões da época, algo como o atual “Kinder Ovo” que as crianças de hoje adoram porque vem com um brinquedinho de montar. O Chocolate Surpresa não era tão sofisticado, mas fazia a alegria das crianças e chocólatras de 20 e poucos anos atrás.

Somente por ser chocolate ele já faria sucesso. Mas sendo chocolate e ainda trazendo em sua embalagem uma ficha de papelão com a figura e com os detalhes de bichos da fauna brasileira, como nome popular, família, nome científico, habitat, hábitos alimentares, reprodução e particularidades, era o máximo.

Ainda tinha outro detalhe: no próprio chocolate vinha desenhado em alto relevo um bicho qualquer. O ritual dos apaixonados pelo docinho era: 1 – abrir a embalagem; 2 – olhar a figura do bicho que vinha nela; 3 – comentar com os coleguinhas se era repetida ou não, se fosse era feita a troca imediata; 4 – tirar a embalagem interna do chocolate (a de papel alumínio); 5 – olhar cuidadosamente o animal desenhado; 6 – mostrar pra todo mundo que estivesse perto; 8 – se já tivesse visto o desenho antes comentar, se não tivesse visto, comentar também; 9 – comer o chocolate; 10 – guardar a fichinha de papelão na coleção.

É, o ato de comer um Chocolate Surpresa era algo complexo, mexia com a garotada, não era algo simplificado em tirar a embalagem e comer. Era algo especial.
Depois de muito sucesso surgiram os álbuns de coleção. Se a garotada já se engalfinhava por causa de uma ficha inédita para a coleção, com um álbum a coisa ficava mais emocionante ainda. Era preciso enviar três embalagens para a caixa postal da promoção, para receber em casa. O álbum vinha separado em temas, entre eles estavam: Mata Atlântica, Amazônia, Campos e Cerrados, Os Sertões, Litoral e Ilhas Oceânicas.

O chocolate existe até hoje, mas com a diversidade de opções que tem por aí o encanto diminuiu.

Gostou? Veja também:
Comente no Facebook
3 comentários
  1. eu amva o chocolate surpressa, pena q tenho q me conformar com os outros prq não encontro mais. onde eu posso encontrar pr favor.

    dialog
    rita de Cássi comentou em 10 de dezembro de 2009 às 14:05 Responder
  2. Nasci em 1993, sou relativamente nova e tive o chocolate surpresa presente em minha infância. Lembrei-me dele hoje ao comer um chocolate com o mesmo aspecto e sabor (fino e retangular). Lembro-me também que nunca mais vi ele, e nem sei onde as fichinhas foram parar.

    dialog
    Signa.Ballaminut comentou em 8 de fevereiro de 2010 às 20:10 Responder
  3. Faltou mencionar que antes de abrir a embalagem de alumínio, tinha o ritual de passar o dedo no papel para tentar adivinhar qual era o animal, para depois abrir a embalagem.

    dialog

Comente