Sempre tive outra visão do centro de São Paulo como: perigosa e nada amigável, ainda mais na região da 9 de Julho quase em frente ao Joelma…

Conheci a Trash a convite do DJ Tonyy, após fazer SPAM da AUTOBAHN no blog do mesmo. Primeiramente ficamos (eu e o Luciano) de *voyeur* na lista e vendo as fotos, mas não entendendo nada !!!

A primeira pessoa que reconheci da lista foi Alisson Gothz como hostess, em seguida conheci o Tonyy e o Eneas, já que sempre chegava as 23:00… Lembro que o Luciano me apontou a Dri (hoje sua esposa e mãe de sua filha) e me disse que gostaria de conhecê-la. A Trash 80´s ficou famosa por juntar casais. Foi lá também que conheci minha namorada, a Ana Luiza, já estamos juntos a 08 meses e meio…

O carpete vermelho à meia-luz, o hotel e o local decadente tinha um charme que me cativou. Ouvir ABBA, Ritchie, Tremendo, Dominó (e olha que nunca fui fã de Boy-band) e outros hits foram o suficiente para saber que ali era um local diferente de qualquer outro lugar de São Paulo.

É impressionante como a Trash 80´s muda sua vida completamente, você conhece novas pessoas a todo o momento, seja pela lista ou pessoalmente, muda também sua visão diante de tabus e preconceitos que nunca deveriam ter existido ou criados. Então posso definir minha vida como *antes & depois* da Trash.

Gostou? Veja também:
Comente no Facebook
Comente